spfw: maria bonita na chuva

14 jun

OFICINA DIZ: O verão da Maria Bonita é bem úmido e chuvoso. A passarela era coberta de água, que espirrava quando as modelos passavam. O make era bem brilhoso e tinha muito tecido com cara de impermeável, tipo vestidinhos capa de chuva, macacão cinza meio de nylon e vestidinho de um material que parecia vinil, mas tinha um toque super macio. Era tudo bem tecnológico.

OFICINA DIZ: Depois desse começo veio uma sequência de paetês, que pareceu super uma continuação do último desfile. Foi um desfile mais frio que quente (em cores) e tinha muito azul, off white e cinza – também vindos da última coleção apresentada pela marca, super coerente. A novidade foi a alegria que apareceu nas estampas concretas do final, que super lembram obras de arte desse período/estilo: era tudo bem mais “animadinho” que o xadrez escuro do desfile passado. Aqui tem videozinho dos pezinhos das modelos balançando a água da passarela na fila final. É o máximo!

OFICINA DIZ: E no fim do desfile a repórter do GNT Fashion correu atrás da gente pra ver o que a gente tinha filmado e tem uma SUPER chance da Fê dar uma pinta no canal por assinatura hoje. Quem assistir passa aqui pra comentar!

Fotos por Charles Naseh

LUIGI DIZ: Tirando o horário do desfile foi tudo ótimo. Gostei de ver Danielle Jensen dar continuidade ao trabalho de tecidos sintéticos/tecnológicos que já vem aparecendo desde coleções passadas. No relase dizia que a intenção era brincar com formas e silhuetas e foi bem isso que aconteceu. Sempre mais afastadas do corpo, quase todos os looks continham alguma peça desconstruída, com fendas e recortes inusitados. Os mais interessantes são as peças de alfaiataria, que ganham um toque extra de sensualidade. Os bolsos também vem deslocados e até as alças dos vestidos se deslocam levemente para o lado, como se estivessem rasgadas.

OLIVEROS DIZ:

A Dani Jensen é uma menina/mulher que é inteligente e sensível. Seu livro de cabeceira é “Louise Bourgeoisdestruição do pai, reconstrução do pai“, ela adora Clarcie Lispector. No release da marca, uma citação de Roland Barthes, “O Sistema da Moda”, que eu considero fundamental para quem quer entender sobre imagem da moda.   O Verão da marca é sim a continuação, não só do Inverno, mas de seu pensamento sobre a moda Maria Bonita: velado/revelado, como no casaco preto, que ganha estampa quadriculada na contraluz; a (des) combinação de cores como o azul frio e o roxo; o rigor da construção. O destaque especial, aos meus olhos de também arquiteto e curador, são as estampas de insoiração neoconcretista, movimento surgido na década de 50, no Brasil. Ferreira Gullar, no manifesto do movimento declara:08ver_spfw_14_01mariabonita_f_0291.jpg  08ver_spfw_14_01mariabonita_f_0341.jpgAlexandre Schneider/UOL O neoconcreto, nascido de uma necessidade de exprimir a complexa realidade do homem moderno dentro da linguagem estrutural da nova plástica, nega a validez das atitudes cientificistas e positivistas em arte e repõe o problema da expressão, incorporando as novas dimensões “verbais” criadas pela arte não-figurativa construtiva”.  

 ivan-serpa_sem-titulo_1956.jpg

Ivan Serpa, Sem Titulo, 1956

A imagem de moda da Maria Bonita tem isso: uma busca por uma mulher longe da sensualidade banal, do botox, dos peitos e lábios inchados, do vulgar e ainda assim, antenada com seu tempo. 

Anúncios

3 Respostas to “spfw: maria bonita na chuva”

Trackbacks/Pingbacks

  1. “Invasão” fashion em São Paulo: Lenny e Maria Bonita « videoperformance saindo do armário - verbo 2007 - 22 de novembro de 2007

    […] Já a Maria Bonita, que já tem loja nos Jardins, resolveu ir para o Morumbi, com loja no Market Place, para as finas de lá nem terem que atravessar a ponte. A última coleção da Maria Bonita teve inspiração no movimento neoconcreto, como a própria estilista me explicou m entrevista no Blogview. […]

  2. “Invasão” carioca: novas lojas da Lenny e Maria Bonita « fora de moda - 22 de novembro de 2007

    […] Já a Maria Bonita, que já tem loja nos Jardins, resolveu ir para o Morumbi, com loja no Market Place, para as finas de lá nem terem que atravessar a ponte. A última coleção da Maria Bonita teve inspiração no movimento neoconcreto, como a própria estilista me explicou m entrevista no Blogview. […]

  3. Balanço: fatos que marcaram a moda em 2007 « fora de moda - 19 de dezembro de 2007

    […] e Adriana Varejão, Ronaldo Fraga e Nara Leão, os carnavais de Glória Coelho e Do Estilista, Maria Bonita e movimento neoconcreto, Cori e Maria Bonita, João Pimenta e a Congada. Claro, que ninguém está pedindo que a moda […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: